Carreira Mudança

Conhece-te a ti mesmo (antes) de pensar em mudar de carreira

mudar carreira
Tempo de leitura: 2 minutos

A necessidade de mudar de carreira surge muitas vezes associada à insatisfação.

Mas antes de largar um trabalho em busca do teu sonho, deves fazer um percurso de autoconhecimento e reflexão interior para saberes, primeiro, qual é o teu ponto de partida, e depois, para onde pretendes dirigir-te.

Os processos de mudança de carreira são longos e podem ser bastante disruptivos com a tua realidade atual.

Diz quem já passou por este processo, que uma mudança de carreira é frequentemente acompanhada de outras mudanças. Pessoas novas que surgem no círculo de amizades, relacionamentos que deixam de fazer sentido, mudanças de paradigma que questionam crenças enraizadas acerca do dinheiro e da realização profissional.

É preciso coragem para este processo e perceber que, mudar de carreira, não é apenas mudar de emprego.

É mudar o foco, o conteúdo e a natureza do próprio trabalho.

Antes de considerar uma mudança de carreira, questiona-te se efetivamente precisas dessa mudança ou se, na realidade, precisas de transformar algo em ti.

Pode ser transformar a forma como percecionas o trabalho, o ambiente que te rodeia, aquilo a que dás valor.

Questiona-te se realmente abominas tudo naquilo que fazes, o local em que estás, as pessoas que te rodeiam, ou se, simplesmente, existe um aspecto que te incomoda.

E se houver apenas um aspeto, por muito que ele assuma o tamanho do mundo, será que… consegues mudá-lo e transformá-lo de forma a poder conviver com ele?

Muitas vezes queixamo-nos e reclamamos das situações, sem sequer tentar melhorá-las ou torná-las diferentes.

Temos de deixar de ser vítimas e assumir o papel de protagonistas da nossa vida.

Seja com uma mudança de carreira, seja com uma mudança de atitude, o importante é, se tens sonhos e ideias que gostavas de concretizar, ganha coragem e tira-os da gaveta!

Não há nada como lutarmos pela nossa felicidade.

Seguimos juntos 🙂

Créditos da imagem: Patrick Schneider on Unsplash

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *